segunda-feira, 27 de janeiro de 2014

Show é show! Ney Matogrosso- Atento aos Sinais

O programão de sábado foi ir ao show do Ney Matogrosso no Vivo Rio em companhia do meu amor.
Show espetacular em uma casa super organizada, limpa e ampla!
O Ney Matogrosso está em plena forma física, com uma performance de tirar o fôlego, com direito à trocas de figurino que é super pertinente ao show  e à ele, claro!
Rock, Axé, Pop, Samba, Choro, Jazz, MPB, Soul, Rap, Blues... Tudo isso junto e misturado. Numa combinação inusitada que prende a atenção da primeira à última nota.
Ney interpretou músicas de  Lobão (“Vida Louca”), Paulinho da Viola (“Roendo as Unhas”), Itamar Assumpção (“Fico Louco”) , Dani Black (“Oração”), além de Caetano Veloso, Itamar Assumpção, Criolo e Vitor Ramil.
O espetáculo tem direção musical de Sacha Amback, cenários de Luis Stein e Milton Cunha e figurinos de Ocimar Versolato, com Milton Cunha e Marta Reis. 
A banda que o acompanha é composta por Sacha Amback (direção musical e teclado), Marcos Suzano e Felipe Roseno (percussão), Dunga (baixo), Mauricio Almeida e Mauricio Negão (guitarra), Aquiles Moraes (trompete) e Everson Moraes (trombone).
O som estava uma perfeição, a iluminação nota dez e a voz dele... irrepreensível. De uma afinação que chega a ser irritante!
Para quem não viu, vale muito ir.
A play list do show é essa:
1. Rua da passagem (Arnaldo Antunes e Lenine, 1999)
2. Incêndio (Pedro Luís, 1992)
3. Vida louca vida (Lobão e Bernardo Vilhena, 1987)
4. Roendo as unhas (Paulinho da Viola, 1973)
5. Noite torta (Itamar Assumpção, 1993)
6. A ilusão da casa (Vitor Ramil, 2000)
7. Oração (Dani Black, 2010)
8. Two naira fifty kobo (Caetano Veloso, 1977)
9. Freguês da meia-noite (Criolo, 2011)
10. Isso não vai ficar assim (Itamar Assumpção, 1986)
11. Pronomes (Beto Boing e Paulo Passos, 2006)
12. Beijos de imã (Jerry Espíndola, Alzira E e Arruda, 2013) - inédita
13. Não consigo (Rafael Rocha, 2010)
14. Fico louco (Itamar Assumpção, 1983)
15. Samba do blackberry (Rafael Rocha e Alberto Continentino, 2010)
16. Tupi Fusão (Dinho Zampier, André Meira, Pedro Ivo Euzébio e Vitor Pirralho, 2009)
17. Todo mundo o tempo todo (Dan Nakagawa, 2011)
Bis:
18. Amor (João Ricardo e João Apolinário,1973)
19. Astronauta lírico (Vítor Ramil, 2007)  e mais um sambinha para agitar a galera que não queria ir embora.

A música de abertura serviu de inspiração para a minha primeira aula deste ano letivo que se inicia. Chama-se Rua da passagem e é de Arnaldo Antunes e Lenine. Vai dar panos para manga.


Ouça e veja aqui o clip oficial



Os curiosos atrapalham o trânsito
Gentileza é fundamental
Não adianta esquentar a cabeça
Não precisa avançar no sinal
Dando seta pra mudar de pista
Ou pra entrar na transversal
Pisca alerta pra encostar na guia
Pára brisa para o temporal
Já buzinou, espere, não insista,
Desencoste o seu do meu metal
Devagar pra contemplar a vista
Menos peso do pé no pedal
Não se deve atropelar um cachorro
Nem qualquer outro animal

Todo mundo tem direito à vida
Todo mundo tem direito igual

Motoqueiro caminhão pedestre
Carro importado carro nacional
Mas tem que dirigir direito
Para não congestionar o local
Tanto faz você chegar primeiro
O primeiro foi seu ancestral
É melhor você chegar inteiro
Com seu venoso e seu arterial
A cidade é tanto do mendigo
Quanto do policial

Todo mundo tem direito à vida
Todo mundo tem direito igual

Travesti trabalhador turista
Solitário família casal
Todo mundo tem direito à vida
Todo mundo tem direito igual
Sem ter medo de andar na rua
Porque a rua é o seu quintal
Todo mundo tem direito à vida
Todo mundo tem direito igual

Boa noite, tudo bem, bom dia,
Gentileza é fundamental
Pisca alerta pra encostar na guia
Com licença, obrigado, até logo, tiau.

domingo, 5 de janeiro de 2014

Noite de pizza! Viva o pizzaiolo!

Adoramos comer pizza. Geralmente o fazemos na sexta-feira quando estamos cansados da semana árdua. Trocamos o dia essa semana e, provavelmente trocaremos nas próximas também.No sábado o Mô fez pizzas sozinho, com a receita de nosso primo italiano, pela primeira vez!
Caprichoso, separou as bolas simetricamente.
 A mesa preparada com carinho para receber a molecada e as pizzas.
 O recheio fatiado com esmero...
E a minha preferida, a tricolore de massa finíssima, molho de tomates italianos, muçarela de búfala, parma, rúcula e lascas de parmesão. Delícia!

Estava tão gostoso nosso rodízio caseiro que nem me lembrei de fotografar as primeiras! rs

Buon Appetito!

sexta-feira, 3 de janeiro de 2014

Momento amor!

Cuide bem do seu amor!

quinta-feira, 2 de janeiro de 2014

Adeus 2013! Que venha 2014!

Pois é, 2013 foi um bom ano. E 2014 será ainda melhor.
Da minha lista de desejos, não fiz tudo mas terminei o ano com a sensação do dever cumprido, a alma mais leve e mais sorrisos nos lábios.
Quando fui começar a lista deste ano, vi que está quase idêntica a do ano passado.Meus desejos são os mesmos! Com algumas inserções interessantes!
Sou uma pessoa fissurada por listas. Elas me ajudam muito e diminuem minha ansiedade consideravelmente. Então, resolvi que vou imprimir e cola na minha agenda. E esse ano vou fazer diferente, separar por setores: mais difícil, mais rápida,etc.
No ano passado, não aprendi as músicas que queria, não fiz receitas do Jamie Oliver , nem todo o peso que precisava. Mas reencontrei muitas amigas, sorri mais, briguei menos, li razoavelmente, decorei alguma coisa, fiz pilates e amei, terminei muitos projetinhos iniciados e passeei com o amor.
 Para esse ano, o que mais desejo é me organizar. Vi que o que me faltou em 2013 foi isso. Perdi muito tempo com coisas que não são importantes para mim.
A lista deste ano ainda está em construção. Quando terminar, colocarei aqui ( e na minha agenda, claro!)
Por hoje, só desejo uma coisa: tenha um ano tão maravilhoso quanto você possa suportar!

 Feliz 2014!
Ocorreu um erro neste gadget