sexta-feira, 20 de março de 2009

Mais uma da tia Pata


Minha tia Pata tá dodói, tadinha!

Tá com pneumonia.
Mesmo assim, a danadinha, escreveu essa lindeza:
Da dor que ora sinto no peito
Não se fez do amor desfeito
Infiltrou-se no mar de alvéolos
Trouxe escarro e a companhia de Macária.

Não há ungüentos nem cataplasmas
Que aliviem essa carcaça
A boca seca é crepúsculo
Miro o dia em cima da cama

Horas se abrem em chagas
Tecem a vida debaixo das cobertas
A hora da febre, delírio, ódio
Submergem neste final de verão

Tive catapora, caxumba, rubéola
Hepatite e outras tantas ites
Mas agora!
Essa coisa que mia no peito
Não tem muito respeito
É cigarro, a poeira , o ar
Que me falta
Debaixo dos panos
Só eu sei como sou e estou débil. (Fátima Cerqueira)

Um comentário:

  1. OLA QUERIDA,

    Vida Nova

    Você quer mudanças. Você pede prosperidade.

    Mas acorda, vai ao espelho e não vê novidades.

    A vida transcorre igual pálida, sem a energia que você gostaria.

    Sua voz interior sopra " Vida Nova ", mas tudo parece distante e difícil.

    A culpa fica por conta do patrão, da sogra, do governo, da falta de sorte,

    Aí você resolve mudar! Bem... " mas só segunda-feira" ,

    " dia 1º " , " depois das férias " ...

    Não raro, prevalecem outros fatores condicionais:

    " Se eu tivesse dez anos menos ", " se eu ganhasse na loteria " ou " quando eu me casar " , " quando eu me aposentar " ...

    Desculpas não faltam, não é mesmo?

    Hoje pode ser um novo dia. Basta você querer.

    Se fizer as mesmas coisas de ontem, obterá os mesmos resultados de agora.

    Então, é preciso agir diferente e, claro, com ousadia positiva e forte determinação.

    Afinal, Deus nunca vai fazer por você aquilo que você mesmo pode fazer...

    Chega de enrolar a si próprio! É preciso agir!

    É preciso decretar as mudanças que tanto almeja!

    " Mudar " significa inovar, alterar costumes, processar com coragem e força de vontade as transformações que se fazem necessárias.

    Chega de assistir à vida passar do alto da cômoda cadeira dos críticos!

    Chega de se colocar na condição de vítima!

    Você pode e sabe que pode melhorar a sua vida.

    A conquista de uma Vida Nova requer persistência e autoconfiança.

    Mas exige, sobretudo, que você elimine de vez o vício de tudo adiar, entendendo, definitivamente, que está mais do que na hora de mudar...

    DESEJO UM BOM FIM DE SEMANA.
    BEIJOS COM CARINHO.

    ResponderExcluir

Obrigada por passar por aqui e deixar um comentário!

Ocorreu um erro neste gadget