sexta-feira, 6 de novembro de 2009

Minha casa, meu lar



Bom dia!
Estava passeando pela blogsfera e vi um post legal lá no saladala sobre casas.
Já tinha visto outro que também chegava a mesma conclusão no blog da Lany.
Assunto: casa, bichos, gosto...
Em resumo: a casa reflete o ânimo dos seus habitantes e a minha é assim: cheia de badulaques, lembrancinhas, santinhos, artes, bagunça ( controlada) e bichos.
É muito chato quando alguém vem até a sua casa e fica enxotando seus bichos ou comentando sobre a disposição das suas coisas.
A nossa casa é o nosso cantinho, o lugar onde a gente se sente feliz, confortado.
Meus gatos sobem nos móveis, você não gosta? Eu não ligo. Eles fazem parte da minha felicidade.
Meu neto vai crescer assim, como meus filhos cresceram, no meio de plantas, montando castelinhos no meio da sala ( e ai de quem derrubar!) e convivendo com animais.
Uma imagem que não me sai da lembrança é quando chovia muito e o Ciro queria andar de velotrol. Corri, afastei os móveis e... pronto. Ele teve sua pista naquela tarde chuvosa e sorriu para mim um sorriso que não há etiqueta no mundo que pague.
Ah! E nem mastercard!! rsrsr
Há um tempo atrás, bombou um vídeo no youtbe cujo refrão era : cada um no seu quadrado. Pois é...
Nunca viu?
Clica aqui. É de chorar de rir.

Um comentário:

  1. Você tá coberta de razão... é o nosso lar, a nossa cara!
    Sou uma bagunceira do bem:) bichos soltos, brinquedos e cobertas rolam por aqui... mas sabe que tem gente que não aparece em casa porque não prendo as cachorras? que fique na casa deles hoho
    Quer coisa mais bacana que o Ciro pedalando na sala? isso vale a pena...
    bjinhos

    ResponderExcluir

Obrigada por passar por aqui e deixar um comentário!

Ocorreu um erro neste gadget